Devemos acabar com o custo da publicidade

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Investir em Marketing Digital é diminuir os custos com a Publicidade? 

blog

16 de fevereiro de 2017

Devemos acabar com o custo da publicidade

16 de fevereiro de 2017 - 11:42 - atualizado em 16 de fevereiro de 2017 - 15:27

marketing-tradicional-marketing-digital-devemos-acabar-com-o-custo-da-publicidade

Há muito tempo eu tenho notado um padrão em potenciais clientes que nos procuram com a ideia de investir no marketing digital para conseguirem diminuir os custos com a publicidade e, consequentemente, obter um bom retorno para o seu negócio investindo pouquíssimo.

Bom, na verdade isso é um grande equívoco e vou tentar explicar de uma maneira objetiva quais são os erros que existem aqui!

Primeiramente temos que nos atentar ao princípio da publicidade, a razão dela existir. 

A publicidade foi criada para levar a informação de produtos e serviços aos consumidores, de forma que estes tenham conhecimento e a eventual possibilidade de adquiri-los. Sendo assim, a publicidade não pode ser interpretada como um CUSTO, mas sim como um INVESTIMENTO, pois parte da presunção que trará resultados de vendas ou consumo dos produtos e serviços quando estes atingem potenciais consumidores.

Entender a publicidade de uma empresa como custo é uma visão totalmente errada e que pode prejudicar o negócio como um todo. Investimento em publicidade deve ser controlado e metrificado quanto ao resultado, que por lógica, deve ser superior ao montante investido.

Para entender melhor, imagine que você tenha uma empresa de bicicletas. Cada bicicleta é vendida pelo preço de R$800,00. Você resolve anunciar em uma revista em nível nacional com alta visibilidade, no qual o anúncio lhe custa R$8.000,00 por mês. Caso você não tenha o controle e o resultado esperado de vendas de no mínimo 11 bicicletas por mês, realmente você está tendo um custo e não um investimento que irá lhe render bons frutos.

Vale entender que o resultado pode ser a curto, médio e a longo prazo, porém precisa haver algum, senão a publicidade realmente se torna um custo, e mais, um custo desnecessário para qualquer empresa.

Outro ponto é a migração da publicidade tradicional para a online como analogia a economia de recursos. Sabemos que de fato alguns investimentos digitais são inferiores aos investimentos em mídias de massa tradicionais, mas mesmo assim o conceito de economia é errôneo. Podemos entender que esta interpretação é ocasionada por um maior controle de verba utilizada, melhor segmentação do público-alvo e maior mensuração do resultado, gerando assim um ROI (Retorno Sobre o Investimento) mais claro para a empresa. Isso não quer dizer economia, quer dizer APROVEITAMENTO de investimento. Isso é resultado!

Ainda vivemos em uma época, na qual vemos agências se preocupando mais com reputação própria do que com resultados reais para seus clientes. Criando campanhas mirabolantes e extremamente glamurosas, esquecendo do público-alvo que se destina, custo para tal realização e principalmente com o resultado, tendo como foco uma premiação ou reverência de outras agências, um “marketing de agência para agência”.

Resultado é algo que deve ser almejado não só pelos clientes, mas também pelas agências, sejam tradicionais ou digitais, e isso se faz através de números e mensuração. 

Realmente devemos acabar com o custo da publicidade nas empresas e transformá-los em investimentos com objetivo claro de retorno.

16 de fevereiro de 2017 - 11:42 - atualizado em 16 de fevereiro de 2017 - 15:27

COMENTÁRIOS PARA ESTE POST